quinta-feira, 4 de março de 2010

Transporte de combustível em seringais

Manoel Moraes quer alternativa para transporte de combustível em seringais

Da Agência Aleac

O deputado Manoel Moraes (PSB) usou a tribuna nesta quarta-feira, 3, para fazer um balanço das atividades do posto da Polícia Rodoviária Federal instalado no entroncamento da rodovia BR-317 com a Estrada da Borracha, a chamada “entrada para Xapuri”. Inaugurado em convênio com o governo do Estado em 8 de fevereiro, o posto já é responsável pela apreensão de 30 kg de cocaína e prisão de oito pessoas procuradas pela Justiça, além de diversos estrangeiros em situação e ilegal e produtos contrabandeados da Bolívia.

Manoel Moraes elogiou o trabalho dos policiais rodoviários, mas lembrou que a permanência em tempo integral da guarnição no local trouxe à luz um problema antigo, referente ao transporte de gás, diesel e gasolina para o interior dos seringais de Xapuri e região. “Os policiais são obrigados a cumprir com a lei para transporte de produtos combustíveis, que não tem como ser aplicada para os veículos usados por pequenos agricultores e extrativistas”, lembrou o deputado. “Eles precisam levar para dentro da mata um galão de gasolina para o motor do barco ou uma botija de gás onde só entra carroça”, explica o deputado.

O deputado informou, porém, que a população está se sentindo mais tranqüila e segura com a presença dos policiais rodoviários no entroncamento. O problema do transporte de combustíveis, segundo ele, deverá ser solucionado através de um entendimento entre os produtores rurais da região e os policiais, o que vem sendo sugerido pelo inspetor Getúlio, comandante daquela guarnição, que vem se mostrando disposto a dialogar.

Por outro lado, o deputado lembrou que as condições de vida nos seringais de Xapuri estão bem mais favoráveis na atualidade. Segundo ele, cada produtor está tendo uma renda mínima de aproximadamente R$ 2 mil somando as vendas de castanha, borracha e madeira manejada. O problema, segundo ele, ainda são os ramais para o escoamento da produção.  “Este ano tivemos as maiores chuvas dos últimos 50 anos e todo o trabalho foi desfeito. Agora temos que refazer tudo com o Deracre”, afirmou.

3 comentários:

Raimundo disse...

Como é bom se ter um represetante na assembleia do estado pra falar pelo o povo tão esquecido de xapuri. É pena que só temos Manoel Moraes só por 4 meses!!

jairo disse...

Manoel Moraes só representa as empresas dele e nada mais.

esperança... disse...

Esse é o tipo de político aproveitador, não tem nada na cabeça, se quer sabe falar, argumentação politica nunca teve, oque fazer: olhar as notícias do jornal e tentar usar das mesmas para se vangloriar... e mais uma vez será canidato...abram os olhos caros eleitores...