segunda-feira, 15 de março de 2010

Florestas plantadas

DSC05650

Colocação São Raimundo, no seringal Equador, uma das cerca de duas dezenas de localidades de Xapuri onde o governo do Estado, através da Seaprof, está desenvolvendo um plano de plantação de seringueiras de cultivo.

DSC05649

Cada localidade atendida pelo plano terá 2 hectares de área plantada, com mecanização feita pelo Estado. A previsão da Seaprof é de que num prazo de 6 anos os seringueiros já possam colher os frutos dessa iniciativa.

Leia aqui reportagem de Tatiana Campos sobre o assunto.

Um comentário:

Perli disse...

Congratulações ao Grande Amigo Raimari, pelas belas matérias postadas neste espaço e pela clareza nas suas proposições de produzir informações de grande valia no sentido de mostrar para o mundo e a quem possa interessar que a vida por essas bandas estreitas xapurienses ainda flui na sua trajetória;

Com o advento do grande investimento "NATEX" para produzir as ditas cujas camisinhas,estava difícil de entender o porque de faltar investimentos no setor da agricultura familiar mais precisamente no plantio de seringueiras destinadas à atender tanto a demanda do produtor,quanto a de preservar o meio ambiente com o reflorestamento que a médio prazo irá render matéria-prima para a indústria local.

Fatos dessa grandeza,são bem vindos, e corrobora no sentido de indicar que além da boas matérias nos mostra o seu empenho na construção de uma cultura que engrandece as pessoas de bem que de igual forma laboram por melhores condições de vida e crescimento econômico com sabedoria e visão de futuro.

Reconhecemos as décadas de atraso,bem como,o recomeço de uma nova era e conceito de conscientização de que precisamos produzir riqueza na terra que a natureza nos deu como herança.

Portanto,os nossos agradecimentos e reconhecimento ao seu valor em cidadania e em ter sempre uma boa notícia para todos que desejam o bem comum e o real progresso de quem trabalha e sabem porque trabalham.

Um grande abraço,
Perli Dias.-