quinta-feira, 22 de outubro de 2009

Blogueiro às Galés?

Eduardo de Souza

Mais uma vez, o redator de um dos “painéis” de informação das bandas de Xapuri é ameaçado de censura (e até outras coisas patético-cômicas) por transmitir um “óbvio”, em forma de “má notícia”, na querela Instituto Chico Mendes & Ministério Público, como se o mensageiro tivesse de pagar pela notícia que traz, ou pior, como se o próprio, tivesse, talvez, inventado a notícia.

Na mente anti-Voltaire dos censores, nada era para ser divulgado, noticiado. Então a solução mais “sábia”, é punir o mensageiro? Assim a “má notícia”, desaparecerá, num passe de mágica? As denúncias deixarão de existir? Como a palavra diz, são denúncias, vão ser apuradas e esclarecidas, a “má notícia”, não chamou ninguém de criminoso, não condenou ninguém, isso caberia ao judiciário, se, e somente se, for o caso.

Melhor mandar o Blogueiro às Galés? Intimá-lo a uma delegacia de Polícia, que com certeza tem mais o que fazer? Juizado Especial?
....Nossa!!!... Blog e Blogueiro de “Alta Periculosidade”?....Kafka deve estar com muita inveja lá no túmulo....

Big Raimari, vou repetir o que já lhe disse anteriormente em outra ocasião, você tem leitores confessáveis e inconfessáveis... esses últimos às vezes são como Odorico Paraguaçú, que só gostava de jornalistas que teciam boas loas à prefeitura de Sucupira.

Acho que Pheidippides, o soldado-mensageiro-corredor, morto ao informar sobre a vitória dos gregos sobre os persas, na batalha de Maratona, não iria gostar de ser mensageiro em Xapuri.

Nota do blog: Eduardo de Souza é cirurgião-dentista potiguar radicado em Rio Branco há alguns anos. Antes disso, viveu 12 anos em Xapuri, onde também foi professor de língua inglesa e gerou sua única filha, Izadora, hoje com 20 anos.

3 comentários:

samurai disse...

Caro Raimari, receba meu apoio sincero neste momento em que os Torquemadas querem mandá-lo à fogueira. Não obstante nossos muitos embates (todos enriquecedores para mim), e do fato de ter discordado de você na maioria de seus textos, engrosso o coro dos que abominam a mordaça que pretende calar os que, briosamente e com talento, como você, se encarregam de dar publicidade a ações que atentam contra as leis e o bom senso. Torço para que se desfaça o mais rápido possível esse círculo em que o querem encerrar.
Abraços,
Archibaldo Antunes

Raimari Cardoso disse...

Caro Archibaldo,

Grato pelo apoio. A despeito de nossas altercações (para mim também muito engrandecedoras), vejo que temos um desejo comum: ver abolidas todas as formas de censura que, infelizmente, ainda imperam, explícita ou dissimuladamente, na realidade nossa de cada dia. Chegaremos lá.

Grande Abraço.

xapuriense disse...

Grande Raimari,

Acho que o Eduardo já disse tudo.

Recebe meu apoio incondicional.

Grato,

Carlos Estevão F. Castelo