domingo, 27 de fevereiro de 2011

Berço de sonhos

O lugar acima, que por longos anos permaneceu abandonado pela prefeitura, vai finalmente ter um destino condizente com a importância que teve, no passado, para grande parte dos jovens de Xapuri. O matagal que se tornou paisagem naquela região da cidade esconde um campinho de futebol que durante os anos de 1980 reunia, diariamente, dezenas de garotos apaixonados por futebol, que ali usufruíam de uma das pouquíssimas áreas disponíveis para o lazer e a prática de esportes.

Alguns dos muitos moleques que jogaram bola naquele campinho se revelaram bons jogadores no futebol local, outros – como este blogueiro – se destacaram como grandes e teimosos pernas-de-pau. Chamava-se Centro Social este pequeno espaço, que recebia alunos de pré-escola no velho prédio de madeira que chegou a servir de sede à Banda de Música Dona Júlia Gonçalves Passarinho, alguns anos depois. Bons tempos aqueles, de um passado que está sempre presente na minha vida.

No campo, ao lado da escolinha, as intermináveis peladas só acabavam com os gritos de mães com caras de poucos amigos e chinelos na mão a chamar para o banho um punhado de pivetes com os pescoços cheios de "ceroto" e a cabeça repleta de sonhos de se tornar um Zico ou um Roberto Dinamite, os grandes craques da época. Era um tempo em que, diferentemente dos dias atuais, os jovens de Xapuri se ocupavam mais em jogar bola e soltar pipas que ingerir álcool e cheirar porcarias.

Em 2007, sugeri aqui no blog (leia aqui) à prefeitura e aos vereadores que refletissem sobre a importância de se construir naquele local uma estrutura que pudesse receber crianças e adolescentes para atividades esportivas, educacionais e de socialização. O espaço era privilegiado e havia sido o berço de sonhos de muitos jovens. Claro que minha sugestão jamais foi levada em consideração, mas isso não importa. O que vale mesmo é que agora, 4 anos depois, a Unopar – Universidade Norte do Paraná instalará ali o seu campus de ensino à distância em Xapuri.

A prefeitura cedeu o espaço à instituição educacional em regime de comodato pelo prazo de 25 anos, e já a partir do segundo semestre de 2011 a Unopar abrirá 15 cursos superiores, 11 cursos técnicos e 29 cursos de pós-graduação. A solenidade que oficializou a parceria entre a faculdade paranaense e a prefeitura de Xapuri foi realizada na última quarta-feira, dia 23 de fevereiro, no auditório da escola Divina Providência.

O polo da Unopar Virtual em Brasileia já possui um grande número de estudantes xapurienses que, a partir da instalação do campus de Xapuri, não precisarão mais se deslocar até o município vizinho, economizando tempo e dinheiro. Motivo de alegria para mim, que na infância fiz do local onde funcionará a Unopar a extensão do quintal da minha casa, e que agora continuarei a ver os jovens sonhando. Se não em se tornarem craques de futebol, pelo menos em portarem um diploma de graduação.

Um comentário:

♰ łαdy _Bєгmu๔єz ♰ disse...

nasci em xapuri, e resido atualmente em rio branco. minha casa (agora alugada) fica praticamente ao lado desse "quintal de sonhos" de outrora. realmente estava precisando de algo instalado ali que os jovens pudessem continuar sonhando. como vc mesmo escreve. parabéns pelo post. e adorei a parte do "ceroto" KKKK'.