sexta-feira, 14 de janeiro de 2011

Adeus a Mitonio Menezes

P3151541

Da família Menezes

Nascido no Seringal Porto Carlos (município de Assis Brasil) em 1935, vindo para Xapuri ainda criança, filho caçula de Francisco Augusto Menezes e Raimunda Freitas Menezes, apesar da infância pobre e difícil, o Sr. Mitonio sempre soube driblar as dificuldades da vida.

Formado em Administração de Empresas, foi contratado pelo Banco do Brasil, onde ocupou brilhantemente vários cargos em várias cidades do Brasil, como Rio Branco, Altamira e Bragança – PA, João Pessoa – PB, Rio de Janeiro – RJ, até se aposentar no final da década de 80 como gerente da agência da cidade de São Pedro da Aldeia, no Estado do Rio de Janeiro.

Acreano, mas carioca de coração, Mitonio mudou-se com a família para o Rio de Janeiro, onde com a serenidade que lhe era peculiar, juntamente com sua companheira Bety, criou e educou seus quatro filhos: Betânia, Jackson, Suzani e Artur.

Desde 2009, Mitonio lutava contra um câncer que lhe ceifou a vida nessa última quinta-feira, 13 de janeiro de 2011, na cidade do Rio de Janeiro, cidade que escolheu para viver, deixando uma grande lacuna no coração de todos os seus familiares.

Dono de uma serenidade ímpar, Mitonio sempre foi um homem exemplar, católico, um bom pai, bom marido, bom avô, bom tio, ou seja, sempre muito dedicado a toda sua família. Nós Menezes, acreanos, sempre usufruímos de sua hospitalidade e boa vontade para ser nosso anfitrião e guia turístico na cidade maravilhosa.

Fica aqui o adeus de todos os seus familiares do Acre.

Vá com os anjos, vá em paz.

Saudades, de seus irmãos Milton, Mozart, Mussuline, Malchides, Marina Menezes, cunhadas e sobrinhos.

Nota: Na foto, Mitonio aparece com sua sobrinha Maria Nilce, esposa de João Mendes (Garrinha), durante visita ao Jardim Botânico, no Rio de Janeiro. O blog oferece sua solidariedade à família Menezes neste momento de imensa perda. 

2 comentários:

cecela_moneiro disse...

Sem dúvida alguma deixará muita saudade, pois só sentimos saudade daquilo que foi bom em nossas vidas e o tio Mitonio só plantou sementes boas em nossos corações. Espero que a dor do adeus da partida passe logo e que em breve, com a ajuda de Deus, possamos nos lembrarmos dele como ele sempre foi para todos nós.

Vai com Deus Tio-Avô, Vai em Paz, até a próxima vez ... Eu te amo para todo sempre ...

blog do mimi disse...

Obrigado pelo carinho de todos.
Minha mãe envia um sincero agradecimento a todos.

artur, filho caçula